Páginas

29 dezembro 2020

Textual description of firstImageUrl

Presidenciais 2001

29 dezembro 2020 0 Comentários

MONTALVÃO VOTOU EM JORGE SAMPAIO PARA SER REELEITO PRESIDENTE DA REPÚBLICA TAL COMO O RESTO DO PAÍS.



Em 14 de janeiro de 2001, o candidato mais votado foi Jorge Sampaio, com 207 votos, correspondendo a 64,29 por cento dos 322 votos válidos em 329 votantes. Os votos nulos e brancos, sete em 2001 - não são contabilizados nas percentagens totais nas eleições para a Presidência da República. O segundo candidato mais votado, com 51 votos, foi Ferreira do Amaral com menos 156 votos (15,84 por cento). António Abreu teve 50 votos (15,53 por cento) com todos os cinco candidatos a serem votados.



Os cinco candidatos tiveram origem partidária. Garcia Pereira foi apoiado pelo Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses (PCTP/MRPP). Ferreira do Amaral apoiado pelo Partido Social Democrata (PSD), Partido do Centro Democrático Social - Partido Popular (CDS/PP). Fernando Rosas teve o apoio do Bloco de Esquerda (BE) de que foi um dos organizadores e fundadores. António Abreu foi apoiado pelo PCP - PEV: Partido Comunista Português e Partido Ecologista "Os Verdes". Jorge Sampaio foi apoiado pelo Partido Socialista (PS).



O Presidente da República foi eleito com 55,76 por cento dos votos (2 411 453 votos) com Ferreira do Amaral em segundo lugar, com menos 917 595 votos, correspondendo a 20,72 por cento da votação (1 493 858 votos). António Abreu teve a terceira maior votação: 221 971 (5,15 por cento) menos 2 189 482 de votos que Jorge Sampaio. 



Próxima "paragem": Presidenciais 1996




0 comentários blogger

Enviar um comentário